Converse com um especialista
Gestão de projetos

Ciclo de vida de um projeto: entenda o conceito e suas fases

08 de julho 4 min. de leitura

Um projeto eficiente deve seguir alguns requisitos básicos, como ter objetivos claros e um planejamento bem estruturado. Além disso, é importante fazer o monitoramento adequado das ações e não se esquecer de revisar todos os pontos importantes na etapa de finalização. Tudo isso faz parte do ciclo de vida de um projeto. 

Entender quais são as suas fases e seguir suas orientações é a melhor forma de ter um gerenciamento eficaz. Quer saber mais? Continue lendo pois vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre o tema ao longo deste artigo. 

O que é ciclo de vida de um projeto? 

São etapas consideradas imprescindíveis para o sucesso de qualquer projeto. Ao segui-las à risca, as chances de sucesso são muito maiores e as chances de erros e imprevistos durante a sua execução bem menores.

Em geral, as fases do ciclo de vida de um projeto são as seguintes: 

  • Iniciação; 
  • Planejamento;
  • Execução;
  • Encerramento. 

Essas são as etapas macros, mas, dependendo da complexidade de seu projeto, é possível ainda criar sub-fases para tornar o gerenciamento e controle ainda mais minuciosos e eficazes. 

Vamos conhecer detalhadamente cada uma dessas etapas abaixo. 

Fase 1: Iniciação

O início de um projeto é a hora para organizar e direcionar as estratégias. Neste momento, destacam-se duas etapas: de definição do escopo e orçamento. 

Escopo do projeto

Documento em que o trabalho a ser realizado em um determinado projeto é descrito minuciosamente. 

É a orientação a ser apresentada para a equipe de produção para a execução do projeto. Portanto, quanto mais minuciosa ela for, melhor. 

São alguns itens que devem conter uma declaração de escopo: 

  • Justificativa;
  • Objetivo;
  • Descrição do escopo do projeto;
  • Restrições;
  • Premissas;
  • Entregas;
  • Cronograma do projeto;
  • Estimativas de custos;
  • Critérios de aceitação;
  • Exclusões do projeto.

A estruturação adequada deste escopo traz impactos significativos em indicadores como produtividade, motivação e qualidade de entregas. 

Orçamento

A elaboração de um orçamento realista e estratégico é fundamental para garantir o êxito da atividade. 

Defina de forma detalhada o valor para cada etapa do projeto. Ou seja, aponte a quantidade designada para o capital humano, materiais, contratação de ferramentas, consultoria, etc. 

Leia também: Gestão de Projetos: 10 dicas para fazer um bom gerenciamento

Fase 2: Planejamento e planos de ação

Chegamos à parte de planejamento e estipulação dos planos de ação. Essa etapa é essencial para garantir a organização do projeto

É a partir do planejamento que seu negócio poderá designar as tarefas adequadamente, segmentando-as por departamentos e prioridade. 

Os planos de ação são desmembramentos do objetivo macro, ou seja, metas mais direcionadas de como alcançá-lo. 

Além disso, também são funções inerentes à fase de planejamento: 

  • Definição de uma metodologia de gerenciamento; 
  • Determinação do prazo do projeto; 
  • Descrição dos riscos do projeto; 
  • Definição de ferramentas e recursos que serão utilizados durante a execução do projeto; 
  • Elaboração de um cronograma de atividades. 

Fase 3: Execução

A fase de execução do projeto é o momento de colocar a mão na massa, ou seja, colocar em prática tudo o que foi planejado nas etapas anteriores. 

Durante essa fase do ciclo de vida de um projeto, é fundamental que o gestor faça um monitoramento próximo de tudo o que está acontecendo, de modo a dar o suporte necessário para os colaboradores e certificar que tudo está rodando conforme planejado. 

Para isso, é importante que se tenha indicadores, pois eles ajudam a mensurar a eficiência e qualidade dos processos. 

São alguns dos indicadores mais comuns e importantes para controle de projetos: 

  • Índice de Desempenho de Prazo (IDP);
  • Desvios de esforços;
  • Valor Agregado (VA);
  • Churn Rate. 

Leia também: 5 indicadores de projeto que você precisa conhecer e acompanhar

Fase 4: Fechamento

Por último, mas não menos importante, é chegada a hora de avaliar tudo o que deu certo ou não ao longo do projeto. É hora de capturar as lições aprendidas

Reunir essas informações é importante para que otimizações possam ser aplicadas no futuro. 

A finalização também é fundamental para avaliar os resultados e verificar se as expectativas foram atingidas. São alguns pontos importantes desta etapa: 

  • Fechamento de contas;
  • Planejamento da transferência de conhecimento; 
  • Redistribuição de equipamentos e pessoas; 
  • Arquivamento de informações sobre o projeto; 
  • Elaboração de um relatório final. 

Como a Monday pode ajudar com o ciclo de vida de um projeto? 

Com uma plataforma de gestão de projetos, como é o caso da Monday, é possível acompanhar de perto todos os processos, status de todos os projetos e atualizações diárias. 

Hospedada na nuvem, a ferramenta é moderna, intuitiva e prática. Ela centraliza todo o ciclo de vida do projeto em um só lugar, tornando a rotina muito mais ágil e simplificada. 

Quer saber mais? Faça um teste grátis por 14 dias na plataforma e experimente suas funcionalidades. 

Vamos tornar a sua gestão de processos mais otimizada?

Converse com um especialista
Política de Privacidade Política de Cookies Portal LGPD